10 julho, 2018

(Incenso) Palo Santo


Palo-Santo  ou Madeira-santa -  são pequenos gravetos de  uma espécie de madeira considerada sagrada que vive desde as Ilhas Galápagos até as florestas secas da região sul-americana do Peru, Equador, Bolívia e Brasil ( Mato Grosso), usados como incenso e na medicina natural e alternativa.
Embora seja mais usado como incenso natural, o palo-santo também é considerado uma árvore com qualidades medicinais,  pois trata não só o “corpo espiritual” mas também o físico. Seus múltiplos benefícios fazem com que a energia do ambiente seja purificada, isso devido a substâncias como, principalmente, o limoneno  e os monoterpenos;  ingrediente ativo presente em uma alta porcentagem em seu tronco, responsáveis ​​pela limpeza física e espiritual dos ambientes, tornando-o mais pacífico, equilibrado e harmonioso.

Palo-santo, incenso natural para purificar e  dissipar energias densas do ambiente.
Sua fumaça tem a propriedade de limpar e purificar o ambiente e as pessoas que nele se encontram, contra espíritos de baixa vibração energética e outras  “ energias densas ou negativas” como: inveja, “olho-gordo”, ciúmes, “baixo-astral” causado por  tristeza, medo,  pânico, depressões, stress,  ansiedades, enfim em todas as espécies de traumas emocionais e “magias” de todo e qualquer tipo...
É excelente para ajudar nas meditações ou contemplações pois sua fumaça, por ser relaxante, nos leva a um “estado meditativo”...

Incenso de palo-santo alinha nossos Chakras e/ou Corpo Energético.
É instrumento poderoso também para alinhar os Chakras, principalmente os chakras superiores, responsáveis pelo nossa ligação com o “cosmo” ou com a Energia Maior; e usado também  como moxa, pela  Medicina Tradicional  Chinesa.

Os xamãs e o uso do palo-santo...
A história  nos mostra que o Palo-santo já era usado na antiguidade em cerimônias religiosas por mais diversas culturas entre elas pelos Incas, Astecas e  Maias e, escavações tem encontrado vestígios do palo-santo em  épocas ainda remanescentes a esse povos. 
Parece que os xamãs de diversas culturas também já o utilizavam como remédios e para fins de curas espirituais... Hoje é usado por terapeutas, aromatarapeutas, xamãs,  curandeiros...em rituais de iniciação de diversas linhas espirituais  e nas cerimónias de ayahuasca.

Sem comentários:

Enviar um comentário